Escola de Governo

Desenvolvimento, Democracia Participativa, Direitos Humanos, Ética na Política, Valores Republicanos.

  • Aumentar tamanho da fonte
  • Tamanho da fonte padrão
  • Diminuir tamanho da fonte
Escola de Governo / Notícias / Governo diminui percentuais de conteúdo local na exploração de petróleo

Governo diminui percentuais de conteúdo local na exploração de petróleo

E-mail Imprimir

Jornal GGN - Nesta quarta (22), o governo federal definiu novas regras de conteúdo local para o setor de petróleo e gás, com uma redução média de 50% na exigência de equipamentos e serviços produzidos no país, segundo Fernando Coelho Filho, ministro de Minas e Energia.

 

Foi definido que o índice de produção nacional para exploração em terra será de 50%, e, nos blocos marítimos, o mínimo será de 18% na fase exploratório, 25% para construção de poços e 40% para sistemas de coleta e escoamento. Nas plataformas no mar, o percentual será de 25%.

 

As novas regras serão válidas na 14ª rodada de licitações de blocos exploratórios de petróleo e gás, prevista para setembro, e para a terceira rodada de leilão dos blocos do pré-sal, que deve ocorrer em novembro.

 

“Nós entendemos que melhor do que você ter um percentual alto que é inexequível é você ter um percentual baixo onde todos poderiam atingir esse número. E aí atingir também o objetivo de dar competitividade à indústria de óleo e gás, e dar encomendas suficientes para alimentar a indústria nacional. Se chegou a um número menor obrigatório, onde temos a convicção de que a indústria nacional está completamente à altura para poder atender a esse desafio”, justificou o ministro.

 

 

A questão do percentual de conteúdo local tem sido alvo de divergências entre as empresas petrolíferas - incluindo a Petrobras - que queriam comprar mais materiais do exterior, alegando custos muito alto dos produtos fabricados no Brasil, e da indústria nacional.

 

Um estudo da Federação das Indústria do Estado de São Paulo (Fiesp) aponta que a mudança das regras atuais para um índice global único iria prejudicar a produção, a geração de empregos e arrecadação gerada pelas indústrias.

 

 

Inscrições para o curso Formação de Governantes 2017!

Venha fazer parte da 26ª turma do curso!

Clique aqui e inscreva-se!

O curso tem por objetivo trabalhar as bases para a Cidadania Ativa, aprofundar os conhecimentos acerca das Políticas Públicas e contribuir para que a/o aluna/o tenha uma visão generalista - e não especialista e parcial - da realidade política, social e econômica do Brasil. Dividido em dois módulos semestrais: “Bases para a Cidadania Ativa” (1° semestre) e “Políticas Públicas” (2° semestre). É pago, anual e oferecido às segundas e terças feiras, das 19h30 às 21h30.



ENTRE EM CONTATO COM A ESCOLA!

Telefones: (11)3256-6338 / (11)3257-9618

E-mail: escolagovernosp@uol.com.br

ENDEREÇO:

Edifício da Ação Educativa - Rua General Jardim, 660 (sala 72), Vila Buarque, São Paulo (SP)

Veja no mapa


Importante

Sugestões para o Site
Compartilhe suas sugestões para melhorarmos o site da Escola de Governo.

Campanhas